segunda-feira, 3 de janeiro de 2011


Sabem o que é ela estar a escrever isto, com os olhos semi-serrados, cheia de sono, mas quando os fecha só consegue pensar no amanha e não dorme?

Como vai ela conseguir? Como vai ela agir? Como vai ela ter coragem de sorrir?

Continuando…

O relógio de sua casa dá 5 badaladas, são 05 da manhã e a pobre menina não dorme, tenta arranjar 1002 maneiras para se distrair, mas quanto mais as coisas que fazia, menos sono tinha e mais pensamentos a apavoravam…

Após tantas tentativas resolve olhar para o relógio, são 05h50, a pobre menina tem de dormir um pouco, ela tem de conseguir, tem de estar preparada para o dia seguinte, desliga tudo e fica pensando, não no que fazer, mas sim em tudo pelo que o seu príncipe encantado e ela haveriam passado juntos… Tantas recordações (…) um enorme sorriso é esboçado, tranquilizada, a menina pensa agora, não adormecer, pois o despertados está quase a chamar…

Por fim a menina é traída pelos seus olhos, mas quando por fim dá por si, toca o despertador, são 06h30 e ela houve “ E cada vez que eu fujo eu me aproximo mais”, está na hora de levantar e começar a arranjar…

(…)

O dia dela estava a ser muito pouco normal, primeira aula não existiu nenhum bom dia especial, não o típico beijinho de e.f.. A aula decorria e ela não conseguia tirar os olhos dele…

Com o prosseguir do dia ela teve o momento mais feliz dos últimos dias, ela queria, queria mesmo que aquilo tivesse acontecido, que o combinado fosse devido, embora ela saiba que não merece, ela quer de verdade.

O fim das aulas chegou, o momento porque ela ansiava parecia que se aproxima, ela esperava, esperava um sinal, uma palavra…

Ela deu por terminada a “ilusão”, voltou, e se juntou aos seu, que, mais uma vez, foram magníficos e se apresentavam bastante prestáveis…

Sabe que agora, lhe resta esperar, esperar que aconteça algo que altere o seu sentimento ou a forma como ele é dado.

Ela gosta, gosta de verdade

Mas ela erra, erra demais

Uma coisa garanto, quando ela o olha nos olhos sente que NUNCA, NADA foi em vão!! $:

Porque tudo o que é bom dura o tempo certo para ser inesquecível, mas nem sempre o necessário para ser eterno =(

Sem comentários:

Enviar um comentário